Buscar
  • Cachoeira_do_Abade

Cachoeira do Abade - cachoeiras e trilhas em Pirenópolis, Go.

Atualizado: 15 de Jun de 2018

Pirenópolis está localizada no coração do Brasil e de Goiás, e possui uma bela e rica natureza. De povo simples e muito acolhedor, Pirenópolis se tornou uma dos destinos turísticos mais procurados do centro-oeste, por suas águas límpidas e casarões históricos.


Igreja da Matriz Nossa Senhora do Rosário - Símbolo de Pirenópolis, foi construída em 1728

Em Piri, como é carinhosamente conhecida por seus visitantes, existem mais de 80 cachoeiras catalogadas, mas um número de atrativos abertos a visitação. A Cachoeira do Abade foi uma das primeiras a abrir para visitação, depois de muita história que sempre cercou a região das Lavras do Abade (ver Nossa História).


A Cachoeira do Abade fica distante 16km do centro histórico de Pirenópolis, sendo 6km de asfalto e o restante em estrada de terra. Todo o cenário até a chegada a cachoeira é bonito. Dos 10 km de terra, 5km são a subida do morro até o Mirante do Ventilador, que propicia uma bela vista panorâmica de toda a cidade e dos morros que a cercam.


Vista do Mirante do Ventilador - Caminho até a Cachoeira do Abade é cheio de surpresas


O visitante é recepcionado na Reserva do Abade pelo Centro de Visitantes Rombauer. Recebe esse nome em memória e homenagem a Carlos Magalhães Rombauer, o responsável pela preservação da natureza e dos atrativos como conhecemos hoje. No centro de visitantes o cliente é informado acerca dos passeios, e a partir dali é iniciado o passeio. No mesmo local, está também a Lanchonete do Abade, que oferece lanches rápidos e um cafezinho por conta da casa. O local é bem iluminado e possui cadeiras e meses com uma vista linda.


Centro de Visitantes Rombauer - Homenagem ao patriarca Carlos Magalhães Rombauer

Toda estrutura física da Reserva fica localizada junto ao Centro de Visitantes. O estacionamento ao lado, o Centro de Visitantes, os banheiros sempre limpos, a Lanchonete e também o Restaurante Vila do Ouro. Em um outro post iremos falar do Restaurante mais profundamente.

A reserva possui duas trilhas: a Trilha do Abade e a Trilha do Vale. No presente momento (12 de junho), a Trilha do Vale SE ENCONTRA FECHADA para reforma. Mas calma, em julho de 2018 ela já será reaberta, a reforma é para um bem maior. Toda a estrutura está sendo refeita, desde os corrimões até as pontes, além de novos pontos de apoio e mirantes. A reforma irá propiciar um passeio mais confortável e seguro para os visitantes.


Nova ponte pênsil na Cachoeira do Sossego, na Trilha do Vale, que faz parte da reforma que está sendo executada.

O caminho hoje então será a Trilha do Abade. Com 400 metros de extensão, esta trilha é 100% pavimentada em plataformas de pedra e madeira, e com uma beleza sem igual.


Saindo do centro de visitantes, o primeiro atrativo é o Mirante das Andorinhas. O primeiro mirante da reserva, com mais de 10 anos de história e muito fotografado, foi recentemente reformado. Agora ele avança sobre o vale de forma panorâmica, dando uma sensação de altitude e parece estar flutuando por cima da mata. As fotos são maravilhosas, e a vista nem se fala. Junto ao Mirante está um ponto de descanso, com bancos e árvores propiciando uma sombra agradável.



Mirante das Andorinhas - primeiro atrativo da Trilha do Abade, tem uma vista inigualável

Casal aproveita ponto de descanso no Mirante das Andorinhas

Continuando o passeio, apenas 20 metros do mirante está outro ponto de apoio, todo coberto e com bancos para descanso. Neste ponto o visitante decide se vai para a Cachoeira do Abade ou para a Cachoeira do Cânion. Nós vamos até o Cânion.



Ponto de Apoio - em frente, a Cachoeira do Abade, à direita, a Cachoeira do Cânion

Vista do Ponto de Apoio e Mapas para localização do visitante

A Cachoeira do Cânion está logo abaixo a Cachoeira do Abade. Sua beleza é unica e particular, pois formada ao longo dos anos em meio as pedras do cânion, que forma um paredão ao lado da cachoeira, e suas águas são frias. Ela começa rasa, com um caminho de areia fino até as canelas, e vai se aprofundando até chegar aos 3 metros de profundidade. O banho não é opcional, é OBRIGATÓRIO.



Família aproveita a Cachoeira do Cânion

Para chegar na Cachoeira do Abade, é preciso retornar ao Ponto de Apoio e virar a direita na trilha.

A caminhada segue por 50 metros, chegando no Rancho de Apoio. O racho tem muitos anos de vida, e foi também todo reformado para melhor atender os visitantes. Agora está mais amplo, todo coberto e o melhor, ACESSÍVEL. Antes, uma escadaria levava até o Abade. Após a reforma, foi substituído por uma rampa, permitindo assim o acesso de cadeirantes de forma rápida e fácil.


Novo Rancho de Apoio - mais conforto e acessibilidade aos clientes


A descida da rampa é beem perto da natureza, muito agradável e os ânimos já estão a flor da pele. De lá já é possível avistar a Cachoeira e ouvir o barulho das queda caindo com força.

Ao chegar na cachoeira, o visual impressiona. O primeiro contato é com o salva-vidas, muito gentil e preparado para socorrer, e passa as instruções, como profundidade e proibições.


Vista da rampa - descendo já é possível avistar a Cachoeira do Abade


A Cachoeira é rodeada por cânions e muito verde. Com 24 metros de altura, a água cai com força no poço. Existe uma praia natural, no qual os visitantes podem descansar e se preparar para o banho. O poço é muito grande chegando até 4 metros de profundidades em certos pontos. A área para banho é grande e é possível atravessar até o outro lado, junto as pedras. Tal atividade só é recomendada para que sabe nadar em águas correntes. Entre um banho e outro, a praia chama para um descanso.

O contato com a natureza é único, e as sensações que são possíveis ouvindo o som da cachoeira também são únicos.


Chegada na Cachoeira do Abade - poço amplo e praia para aproveitar o sol

Água cristalina e límpida, a apenas 5km da nascente do Rio das Almas

O caminho de volta é um pouco íngreme, mas o excesso de pontos de apoio ajuda, e muito. A cada parada para se hidratar pode ser observada uma bela paisagem.


De volta na recepção, o visitante tem muitas opções: pode voltar para a cachoeira, fazer um lanche, almoçar, ou apenas descansar no redário.


Redáio - descanso após a Trilha ou logo após o almoço

De qualquer forma, a Trilha do Abade é um passeio de 400 metros de ida e 400 metros de volta, com vários atrativos e muito acessível, valendo a visita até a cidade de Pirenópolis, Go.


Aguarde novos posts, sobre a Cachoeira do Abade e nossa amada Pirenópolis.






134 visualizações

Irmãos Rombauer Ecoturismo LTDA

Fazenda Cabaçais, Estrada Parque dos Pireneus, km 17, s/n

Pirenópolis, Goiás - CEP: 72980-000

(62) 99201-0996

reservadoabade@outlook.com

COPYRIGHT 2018 - CACHOEIRA DO ABADE